José Maria Barcia @ 12:01

Qua, 12/10/11

Imagina estares triste. Estás só, com os teus pensamentos. E sentas-te sozinho num banco de um jardim qualquer. Se tiveres sorte alguém vai ter contigo e diz-te que estás triste. Tiveste sorte porque alguém te viu e viu essa tua tristeza. E o diálogo é assim:

 

Ela: então estás triste.

Tu: sim,  estou – respondes com surpresa de ainda encontrares pessoas assim.

Ela: sabes que em África todos os dias morrem pessoas.

Tu: pois – pensado que afinal não tiveste tanta sorte – é verdade.

Ela: e todos os dias há guerras, fome, desgraças e por aí adiante.

Tu: sim – e começas a pensar em responder mal e ir embora.

Ela: mas sabes de uma coisa? Nada disso é tão grave como as tuas preocupações.

 

E aí, tu sorris. Porque te encontraram. Porque olharam para ti e viram a tua tristeza. E mais importante, porque disseram o que querias ouvir. Logo depois, parece que melhoras. Afinal não estás sozinho com as tuas preocupações. Encontraste alguém que não quis saber porque estavas triste mas percebeu porque estavas triste.

Uns tempos depois essa pessoa vai-se embora da tua vida e nunca mais a vês. Tiveste sorte. Às vezes é só isso que precisas, de um pouco de sorte. E de alguém que perca tempo a ajudar-te.



Mia @ 16:54

Qua, 12/10/11

 

As tristezas não são comparáveis. Gostei do teu texto:

http://pegadafeminina.blogspot.com/2011/09/para-ti-sem-comparacoes.html

Beijinhos

Mia

clara @ 22:14

Qua, 12/10/11

 

lacrimejei. lembrou-me um amigo que foi para padre jesuita, fez-me saudades dele.

bonito texto.


José Maria Barcia @ 11:16

Ter, 18/10/11

 

Mia e Clara: obrigado.

Obrigadinho!

 

O Polaroid podia ter ganho o prémio de Blog Revelação do ano 2011 da TVI24, mas infelizmente vocês são uns leitores do caraças e não votaram em nós! Mesmo assim, vamos continuar a escrever, sendo que quem levou a taça foi o @ChicodeOeiras e a sua malta esquerdista! Já percebemos que vocês preferem o Mao ao amor e o Enver Hoxha aos nossos textos bonitos! . Agradecemos a vossa ajuda! Obrigadinho malta!


PS - O Zé Maria obrigou-nos a colocar no final disto: "mas continuamos a gostar de vocês".
Pub.
Segue no Twitter
Arquivos
Pesquisar
 
RSS