João Gomes de Almeida @ 23:24

Qua, 28/03/12

São tantas as vezes em que estamos cansados. São tantas as vezes em que não fazemos um gesto largo. São tantas as vezes que deixamos as mais variadíssimas coisas por dizer às pessoas de que gostamos. São tantas as vezes que vivemos obcecados com nós próprios. São tantas as vezes que não paramos para pensar no que é nosso. São tantas as vezes que nos sentimos sem forças. E é em todas essas vezes que o que mais interessa dizer é "amo-te".



George Sand @ 23:00

Sab, 07/04/12

 

É verdade. Ás vezes falamos demais e dizemos de menos. Precisamos cultivar silêncios esclarecedores.

Obrigadinho!

 

O Polaroid podia ter ganho o prémio de Blog Revelação do ano 2011 da TVI24, mas infelizmente vocês são uns leitores do caraças e não votaram em nós! Mesmo assim, vamos continuar a escrever, sendo que quem levou a taça foi o @ChicodeOeiras e a sua malta esquerdista! Já percebemos que vocês preferem o Mao ao amor e o Enver Hoxha aos nossos textos bonitos! . Agradecemos a vossa ajuda! Obrigadinho malta!


PS - O Zé Maria obrigou-nos a colocar no final disto: "mas continuamos a gostar de vocês".
Pub.
Segue no Twitter
Arquivos
Pesquisar
 
RSS